Projeto Sempre Viva

Projeto Sempre Viva

Avaliações médias

Galeria

Descrição

O Projeto Sempre Viva oferece uma experiência de imersão no Parque Municipal de Mucugê, com laboratório para pesquisas direcionadas ao estudo da flora local, principalmente da Sempre Viva, flor endêmica da região. Passando por lugares históricos revelando a cultura do tempo do garimpo de diamantes, além de atrativos naturais como trilhas e cachoeiras..

Horários:

Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta, Sábado, Domingo:
Das 08:30 às 17:30

Tempo estimado: 50 minutos

Nível de dificuldade: Fácil

Faixa etária: Livre

  • Atividades permitidas: Acesso à galeria, ao laboratório, e aos atrativos naturais: rio, trilhas, cachoeiras e sítio arqueológico.
  • Atividades proibidas:
    • Não inclui: Transporte e lanche
    • Tipo de atrativo: Cachoeira, Trilha, Lugares históricos, Sítios Arqueológicos.
    • Localização: Parque Municipal de Mucugê, BA 142.
    • Ponto de partida: Parque Municipal de Mucugê, BA 142..
  • Não faça fogueiras ou montagem de churrasqueiras;
  • Não leve seu animal doméstico para o local;
  • Traga seu lixo de volta;
  • Não consuma bebidas alcoólicas e cigarros;
  • Não colete plantas e pedras;
  • Se mantenha na trilha. Não crie atalhos ou novos caminhos.
  • Não entre com instrumentos musicais. Se for ouvir música utilize fone de ouvido para não atrapalhar outras pessoas e a fauna silvestre.
  • O atrativo não possui sanitários. Para "ir ao banheiro" se afaste cerca de 60m de trilhas, rios, acampamentos, cavernas. Cave um buraco de 15 cm e enterre o papel higiênico. Jamais deixe absorventes ou coloque fogo no papel higiênico.

A contratação de um condutor de visitantes é extremamente recomendada. Essa pessoa pode enriquecer a sua viagem com atividades como observação de aves e escalada, além de apresentar a geologia, botânica e história da região. Em caso de acidentes ele irá prestar os primeiros socorros e acionar um resgate.

Muitas trilhas dessa região são rústicas. Resgates em áreas naturais são complexos, caros e demorados.

Costumam ocorrer trombas d’água nos rios da região. Além disso, as pedras ficam ainda mais escorregadias e as correntezas mais fortes, aumentando o risco de acidentes.

Não salte nos poços. As águas da Chapada Diamantina são escuras e não é possível visualizar pedras, galhos e troncos. As chuvas alteram o leito dos rios.

  • Use máscara durante todo o período, exceto em atividades como banhos, flutuação e alimentação;
  • Mantenha distanciamento de 2m de outros visitantes;
  • Evite compartilhamento de equipamentos (como celular, máquina fotográfica, lanterna, luvas, cajado, binóculo, capacetes, mosquetões, mochilas, garrafas de água, cordins etc.). Higienize as mãos e equipamentos com álcool gel 70% caso haja necessidade de troca de equipamentos;
  • Higienizar as mãos com álcool gel 70% em cada parada ou logo após trechos com obstáculos ou de “escalaminhada”, em que seja necessário apoiar as mãos em alguma superfície (rocha, árvore e raiz, entre outras);
    • Embale corretamente e descarte resíduos contaminantes, como máscaras e luvas corretamente e seguindo as normas municipais.

Posts

Eventos

Reserva

Parque Sempre Viva

  • Vagas limitadas
  • Comprovante de vacina contra COVID-19 obrigatório
  • Horário de checkin : de 8h30 às 12h , de 13h às 17h
Categoria:

Mapa

Lugares relacionados